Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Rússia não usará armas nucleares na Ucrânia, diz Ministério das Relações Exteriores

    Porta-voz da pasta disse que uso desse tipo de armamento não se aplica à "operação militar especial" no país vizinho

    Teste do Sarmat, míssil balístico intercontinental russo
    Teste do Sarmat, míssil balístico intercontinental russo Ministério da Defesa da Rússia

    Da Reuters

    Ouvir notícia

    A Rússia não usará armas nucleares na Ucrânia, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores russo, Alexei Zaitsev, nesta sexta-feira (6).

    Zaitsev disse a repórteres que o uso de armas nucleares pela Rússia – um risco que autoridades ocidentais discutiram publicamente – não se aplica ao que Moscou se refere como sua “operação militar especial” na Ucrânia.

    O diretor da CIA, William Burns, disse em 14 de abril que, devido aos reveses sofridos pela Rússia no conflito, “nenhum de nós pode ignorar a ameaça representada por um potencial recurso a armas nucleares táticas ou de baixo rendimento”.

    O Exército russo realizou exercícios militares na quarta-feira (5), onde simulou o disparo de mísseis no enclave russo de Kaliningrado, entre a Polônia e a Lituânia.

    Em comunicado, o Ministério da Defesa russo informou que as forças da Rússia realizaram ataques únicos e múltiplos contra alvos que simulavam zonas de lançamento de sistemas de mísseis, infraestruturas protegidas, equipamentos e postos de comando de um inimigo fictício.

    Mais Recentes da CNN